Convívio acadêmico das artes, na casa da Gávea de Eliane Lustosa

Tradição, Heloísa Aleixo Lustosa, presidente da Academia Brasileira de Arte, recebeu os confrades para o jantar anual da instituição, na casa bonita de sua filha não menos, Eliane Lustosa, na Gávea.

Trata-se de uma daquelas ocasiões ardentemente aguardadas por todos, na certeza de que iremos encontrar o mais charmoso dos cenários, a mais inteligente das conversas, o mais delicioso dos jantares, o mais harmonioso dos convívios, as mais amáveis anfitriões, Heloísa e sua filha, Eliane, que na boa tradição da mineiridade recebem de maneira cordial e mansa, fazendo o tempo passar sem a gente se dar conta.

Desta vez, Minas, além dos rituais hospitaleiros, contribuiu com a presença festejada do jesuíta padre Aleixo, em visita à sua irmã, Heloísa.

À sobremesa, como de hábito, houve os discursos. Inicialmente, o do secretário-geral da Academia Brasileira de Arte, Victorino Chermont de Miranda, anunciando a agenda de próximos eventos. Em seguida, falou o acadêmico escritor Sylvio Lago, enaltecendo a gestão de Heloísa Lustosa. Por fim, Heloísa fez o balanço das atividades acadêmicas de 2016 e destes primeiros meses do ano, lamentou a partida de Sábato Magaldi, que nos deixou, saudou os novos empossados – sempre com a classe e a suavidade que são sua marca e fazem da confraternização da ABA um permanente prazer.

O artista plástico Luís Áquila e Evandro Carneiro

Heloisa Lustosa lê seu discurso com um balanço das atividades da Academia Brasileira de Arte, presidida por ela

Mr. Samba, Haroldo Costa, o maestro Tacuchian e a grande dama dos museus do Brasil, Heloisa Lustosa

O escritor Sylvio Lago lê sua saudação à presidente Heloisa Aleixo Lustosa

Eliane Aleixo, anfitriã do jantar, o colecionador e pesquisador Patrick Meyer e a sambista Mary Marinho Costa

O colecionador Paulo Barragat e esta Hildegard Angel, presidente do Instituto Zuzu Angel de Moda

Padre Aleixo e Francis Bogossian

O colecionador Evandro Carneiro, o escritor Alexei Bueno e a editora Flavia Portella

O casal Eliza e o escritor musicólogo Sylvio Lago e padre Aleixo, irmão de Heloísa Aleixo Lustosa

Dalal Achcar, Paulo Barragat e Victorino Chermont de Miranda

A leiloeira Soraia Cals, o museólogo Lauro Cavalcanti, a estilista Toia Lemman, a presidente da ABA, Heloisa Lustosa, o escritor e produtor musical Haroldo Costa e, no primeiro plano, o leiloeiro Evandro Carneiro e Mario Mendonça, o mais importante pintor sacro brasileiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *