A elegância de ser e de receber de Anna Gutierrez de Silos

Um dos mais belos e preservados prédios Art-déco da cidade, em que tudo é preservado com grande senso. É o Embassador, na Avenida Atlântica, o edifício inteiro de proprietária única, Sivuca Malta, que não vende, apenas aluga todos os seus apartamentos. Por isso, e graças a isso, o belo prédio não sofreu a ação predatória do rodízio de síndicos, de gostos e níveis culturais diferenciados, que a cada mudança de gestão resolvem descaracterizar verdadeiras preciosidades culturais. Assim, vemos belos elevadores de madeiras nobres serem revestidos por fórmicas, enquanto portas pantográficas, puxadores e detalhes de bronze são trocados por peças de aço, eca! Mármores antigos são substituídos por cerâmicas, grades horrendas destoam completamente do estilo das fachadas, onde buracos de ar refrigerados lhes destroem detalhes de sancas preciosas – uma descaracterização completa. E os síndicos nem notam, nem tchum! Estão preocupados em gastar com câmeras, lâmpadas frias, monitores de vídeo, lixeiras, jamais na preservação de joias da arquitetura, cuja importância cultural e histórica agrega valor ao patrimônio de seus proprietários. Cegueira, cegueira, tsc, tsc, tsc…

Mas esta visão cultural e patrimonial a Sivuca tem. Daí que é uma delícia entrar em seu prédio e pisar naquele patchwork de mármores preservados. Tocar os corrimãos antigos, admirar as portas dos elevadores de madeira maciça, com detalhes trabalhados e torneados, muito bonitas. Os pisos, as paredes, as luminárias, tudo digno de um museu Art-déco

Com esse encantamento, chegamos ao andar do hall de extremo bom gosto compartilhado pelos apartamentos do decorador Ovídio Cavaleiro e a embaixatriz Anna Gutierrez de Silos. Ela recebia grupo pequeno, 12 amigas apenas, no novo endereço. O copeiro impecável, o champagne geladinho, as taças de cristal antigas, tudo com a categoria de uma embaixatriz traquejada, de uma Gutierrez de nascimento…

E todas ficaram encantadas com o charme do ambiente tão parecido com a dona, mesclando peças barrocas e chinesas herdadas de seu pai grande colecionador, Plácido Gutierrez. Sem esquecer os estofados de oncinha, pois as onças são in-dis-pen-sá-veis em qualquer decoração de casa da Anna. Acho que é para combinar com a intensidade de seu perfume preferido, o Fracas

Feitos pela prata da casa e servidos em salvas de prata de lei, salgadinhos e docinhos (os brigadeiros de marshmallow, nhamnham), daqueles pra se comer sem parar. No menu de amigas de fé, irmãs camaradas, Fernanda Basto, Sueli Stambowsky, Paula Cleophas, Andrea Charpi, Diana Prates, Sandra Naslausky, Ida Schiller de Mayrink, Lalá Guimarães, Fabiana e Silvia Malta, Miriam Gagliardi e eu, naturalmente!..

anna A elegância de ser e de receber de Anna Gutierrez de SilosAnna Silos em vários ambientes da nova casa e com as amigas, Hilde Angel, Miriam Gagliardi e Ida Schiller de Mayrink

anna 2 A elegância de ser e de receber de Anna Gutierrez de Silos

Lalá Guimarães e Sueli Stambowsky… Fernanda Basto e Paula Cleophas

anna3 A elegância de ser e de receber de Anna Gutierrez de Silos

Miriam Gagliardi

anna 4 A elegância de ser e de receber de Anna Gutierrez de Silos

Sandra Naslausky

anna 5 A elegância de ser e de receber de Anna Gutierrez de Silos

Anna Silos

Fotos de Sebastião Marinho

Uma ideia sobre “A elegância de ser e de receber de Anna Gutierrez de Silos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *