S.O.S Kiribati! Por Kiribati vale a pena tirar o sutiã!

Talvez você nunca tenha ouvido falar no Kiribati. Confesso que nem eu. Bom, pelo menos até hoje…

Pela manhã, percebi uma movimentação estranha pertinho de meu apê, no Othon Palace. Além de policiais, um carro preto blindado estava parado na porta do hotel. De binóculos, de minha janela, observei que, do lado direito do capô, havia uma bandeirinha do Brasil e, do esquerdo, uma bandeira estranhíssima. Curiosa como sou, enviei minha câmera Mata Hari. De posse do flagrante da bandeirinha conferi no Atlas e descobri que se tratava de KiriKiri o que?…

Era o Kiribati, minha gente, o país-chave da Rio+20 e vou explicar a vocês o porquê!…

Kiribati S.O.S Kiribati! Por Kiribati vale a pena tirar o sutiã!

Kiribati é um pequeno país da Oceania, formado por 35 ilhas, que tem essa bandeira lindinha de capotar que vocês estão vendo aí acima. Sua população é de 113 mil habitantes e seu território de 811 km². E o Kiribati está ameaçado a desaparecer do mapa ainda neste século, devido ao aquecimento global, que provoca o degelo das calotas polares!…

Com o aumento do nível dos oceanos, aos poucos o país vem sendo engolido pelas águas. As ondas invadem casas e inundam ruas, causando um tremendo estrago. Construir enormes paredões ao redor do território ou, ainda, ilhas flutuantes, teria um enorme custo. Mesmo que a população se deslocasse para um ponto mais alto, não seria o suficiente, pois este tem apenas sete metros de altura. Então, a melhor solução encontrada até agora é realocar os habitantes para outro país

Recentemente, o presidente Anote Tong anunciou que está negociando a compra de uma área de 20km² de terras em Fiji. Se isso realmente acontecer, será a maior migração de refugiados climáticos da história! Um Exodus contemporâneo, dramático e climático. E junto com esse deslocamento em massa ainda há toda uma questão social envolvida, de adaptação da população à sua “nova casa”, o que compreende educação, empregos, saúde e uma série de outras coisas…

Ao longo de muitos anos, participando de diversas conferências sobre o clima, Kiribati tem cobrado das grandes potências atitudes para evitar que este problema se torne ainda maior. No entanto, todos se fazem de surdos, olham pro outro lado, com ar de não tô nem aí…

Esperamos que, nesta Rio+20, o pequenino país consiga atingir seus objetivos com sucesso. Está aí sim um bom motivo pros índios saírem apitando nas ruas, as mulheres tirarem o sutiã, a estudantada pintar a cara, a turma botar sebo nas canelas nas passeatas: vamos abraçar a causa de Kiribati nesta Rio+20!!!! A vitória deles é a nossa vitória, a do Planeta Terra!!!!!…

Kiribati, tô contigo e não abro!…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *