Os Serpa trazem Paris para a Praia do Flamengo – Parte 1

Em avant-prémière, Carlos Alberto e Beth Serpa convidaram um grupo mínimo de amigos para conhecer o complexo de bar, sala de jantar privée e restaurante que agora ocupa todo o segundo andar da Casa Julieta de Serpa. Não houve unanimidade. Uns diziam que é o complexo de bar e restaurante “mais bonito do Brasil” e outros, como Glória Severiano Ribeiro, que é “o mais bonito do mundo“. Não dá para pensar muito diferente disso e vocês hão de concordar comigo vendo as imagens que eu agora exibo aqui para vocês, em primeiríssima. Vamos a elas…

Abaixo, os registros fotográficos do bar, com o piso em parquet francês totalmente restaurado, as paredes revestidas de couro castanho, cortinas de seda pura, sancas douradas, lustres de cristal, quadros Op-Art, poltronas estofadas cor de tangerina esquentando o ambiente, alguns sofás zebrados fazendo o contraponto, lustres de cristal, parede do bar com o reboco descascado, exibindo os tijolos, evidenciando a idade do prédio antigo, princípio do século 20…

Como grande contraste, o elevador panorâmico, estrutura de vidro e aço, instalado externamente, que leva diretamente ao bar. É Rio-“Paris” (nome do novo complexo), via Praia do Flamengo, sem precisar dessa chatice de aeroporto, visto, passaporte, ter que falar outro idioma, décalage. Chegamos a Paris e encontramos só a parte boa: o savoir faire francês, o bom gosto, a melhor gastronomia, tudo isso na “Paris” dos Serpa, logo ali, na Praia do Flamengo…

bar Os Serpa trazem Paris para a Praia do Flamengo   Parte 1Fotos Marcelo Borgongino

E aguardem o próximo post, com as fotos do restaurante Paris, também lindo de capotar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *