O modernismo musical brasileiro na visão de Manoel Corrêa do Lago

A dica de lançamento literário de amanhã é, na Argumento do Leblon, o livro O Círculo Veloso-Guerra e Darius Milhaud no Brasil, pela Reler Editora (leia-se Regina Lemos). Obra do musicólogo e economista Manoel Aranha Corrêa do Lago, que será lançada com a apresentação de um painel do modernismo musical no Rio de Janeiro antes da Semana de 1922. O livro versa em torno do doublé de compositor e diplomata francês Darius Milhaud (1892-1974), que morou no Rio entre 1917 e 1918, para trabalhar na embaixada da França com o então embaixador-escritor Paul Claudel

Outras figuras importantes no livro são os músicos do Círculo Veloso-Guerra, composto pelo professor Godofredo Leão-Veloso, sua filha, a pianista Nininha Veloso-Guerra, e seu marido, o compositor Oswaldo Guerra. Os Veloso-Guerra representaram um elo importante de interação entre Darius Milhaud e a cultura brasileira…

O livro é muito bem ilustrado com fotos e fac-símiles de manuscritos musicais, críticas de jornais da epoca, programas de concerto e outras preciosidades…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *