Nassif: a prisão do casal Garotinho é o maior desafio que os direitos individuais enfrentam nesse país sem leis.

Não sou do grupo próximo dos Garotinho. Apontei em seus governos falhas, assim como reconheci méritos. Sobretudo em sua obstinada luta pela manutenção dos royalties do petróleo para o Rio, nas muitas realizações da Cedae à sua época e ao levar energia para as comunidades mais isoladas e distantes do estado.

Mas se há algo que me incomoda são as lutas entre forças desiguais, a pressão pelos todo poderosos para sempre prevalecerem, em detrimento de quem quer que seja, os odores e rumores de injustiça. Por isso, reproduzo aqui este breve artigo de Luis Nassif.

O massacre do casal Garotinho, por Luis Nassif

Pouco sei da carreira política do casal Garotinho. Cada vez que escrevo sobre eles, amigos correm para sugerir cautela. Mas a perseguição que lhes é movida pelo sistema do Rio de Janeiro – Tribunal de Justiça, procuradores e Globo –, sob silêncio geral, é um massacre.

Garotinho é um político local que tentou um voo mais alto. Não conseguiu se transformar em um líder nacional, capaz de mntar alianças com os sistemas de poder – Judiciário, Congresso, mídia -, mas ficou grande demais para se abrigar nas asas de algum padrinho político, em partidos ou nos tribunais superiores. Não tem vinculação nem com esquerda, nem com direita, nem com intelectuais, nem com juristas. Não tem aliados nos partidos maiores, menos ainda na mídia.

Mesmo assim, é politicamente atrevido nos desafios que faz e fez. Já desafiou o Tribunal de Justiça do Rio, a Globo.

Com esse atrevimento – e essas vulnerabilidades – tornou-se um prato para esse pessoal. Podem aprontar o que quiser com seus direitos que não haverá gritos de revolta, manifestações dos órgãos de defesa dos direitos humanos, clamor dos juristas mais conhecidos ou a defesa do Gilmar Mendes. Não haverá manifestações internas, menos ainda as internacionais.

Leio, agora, que o bravo TJ-RJ tirou os direitos políticos de Rosinha Garotinho por 2 a 5 anos, pela acusação de ter usado recursos públicos para um anúncio no qual respondia a ataques a uma política que implementou em Campos. Seu advogado diz que é armação.

A prisão do casal Garotinho, a humilhação a que foram expostos por procuradores – que permitiram cenas da prisão no Fantástico -, a perseguição implacável da mídia, cobrando até a submissão de Rosinha às faxinas do presídio, mostram o Rio de Janeiro definitivamente como uma terra de ninguém.

É covardia dos eminentes magistrados, é covardia da Globo, é covardia de todos os que se calam, porque as vítimas não se enquadram em nenhum dos escaninhos do poder ou da oposição.

Defender Garotinho não enriquece currículos.

Por isso, mais do que os prisioneiros políticos da Lava Jato, a prisão do casal Garotinho é o maior desafio que os direitos individuais enfrentam nesse país sem leis.

10 ideias sobre “Nassif: a prisão do casal Garotinho é o maior desafio que os direitos individuais enfrentam nesse país sem leis.

  1. Luiz Nassif tem toda razão. comparar o casal Garotinho com o casal de estelionatários Cabral & Picciani e Cia. como a mídia e redes sociais vem fazendo, além de Mais uma injustiça, é um Absurdo só visto no Brasil, terra sem leis

  2. Parabéns, Nacif, parabéns Hildegardengel! São muito os que se acovardam, deixando de mostrar ou defender a verdade. Fazem isto para se perpetuar em seus confortáveis postos. Covarde que são, deixam muitos serem enganados pelos grandes manipuladores das informações. Vocês dois são diferentes . Mostram e mostram com clareza as verdades que a maioria não quer ver. Vcs dois tem minha adimiração e respeito.

  3. Lamento Nacif, mas, qdo o político é bom , competente e honesto, o povo “sempre reconhecerá”, não sendo, não tem defesa !!! Somente com o apadrinhamento…Pelo que, acompanhei desde o início de carreira dos dois, nada ficou claro em relação aos mesmos…A lei é dura e tem que ser dura !!!! Observem que Leonel de Moura Brizola, foi tremendamente injustiçado pela Globo, pela direita obsessiva e perversa , mas “sempre foi respeitado pelo povo”…A verdade não fica sempre no subsolo do social…

  4. Quer dizer então que o programa “ cheque cidadão “ do sr. Garotinho, nunca existiu? Por favor Nassif, não atente contra nossa inteligência.

  5. Parabéns Hilde, pelo espaço cedido ao Nassif. Meu conhecimento sobre o casal agredido não difere do seu. Conforta-me saber que você é superlativa em termos de sensibilidade, especialmente com os que, na atual conjuntura, estão postos como underdogs e passíveis de toda sorte de humilhações: merecidas ou não!

  6. O que esses juízes de Campos dos Goytacazes estão fazendo com o casal Garotinho, cheira a práticas ditatoriais!! No Forum de Campos soou pelos quatros cantos, o grito de vingança do juiz Raph Manhães e comparsas, por Garotinho denunciá-los as suas respectivas Corregedorias!!! O Ministério Público Federal, o TSE e STF, todos têm o dever de olharem para os absurdos que acontecem em Campos dos Goytacazes, onde prefeito, três membros da justiça local e quadrilha de Cabral/Picciane se aliam, para a grande obra de desmoralização dos Garotinhos!!! O povo de Campos que conhece a integridade de Garotinho e Rosinha, aguarda que o TSE faça Justiça aos Garotinhos definitivamente e ponha na cadeia, os rresponsáveis por toda esta INJUSTIÇA!!!

  7. Concordo plenamente, não os conheço mas, vejo o sangue nos olhos daqueles que querem destruir, humilhar e se possível até matar políticos que não estão na lava-jato, principalmente, se forem evangélicos e não forem bilionários. Principalmente, juízes de reputação duvidosa, criminosos políticos e a mídia mafiosa. Fico triste em ver a covardia que fizeram com a Rosinha colocando uma mãe de família cristã e honesta na cela junto com uma ladra contumaz. O crime político organizado não têm limite. Intervenção Militar, já.

  8. Quero parabenizar a Luis Nassif e a você Hildegard Angel por publicarem essa brilhante matéria sobre o casal garotinho. Por causa da lucidez de vocês eu me sinto com a alma lavada em saber que minhas opiniões não são contrárias as de vocês que são mais altos e brilhantes em seus pensamentos. Obrigada por provarem que ainda tem gente que não se junta á turba ensandecida com olhos cheios de sangue, querendo ver os leões comerem as carnes de suas vítimas enquanto se divertem com isso. Parabéns pelo senso de justiça, terão em mim uma admiradora, alguém que daqui por diante buscará em suas leituras, um aconselhamento digno da minha credibilidade.

  9. E o Pezão, que em 2014 fez uma operação que quebrou o RioPrevidência(criado pelo Garotinho para garantir o pagamento dos aposentados), não cumpre nem a obrigação de pagar o salário dos aposentados e ativos, agora pede mais um empréstimo para pagar agora e ficar devendo depois. O Pezão foi absolvido pelo mesmo TRE-RJ, quando cometeu o crime de, sem previsão orçamentária, ficar viajando pelos municípios com o dinheiro público para fazer campanha eleitoral.
    https://economia.uol.com.br/noticias/bloomberg/2016/03/29/rioprevidencia-negocia-com-credores-de-us-31-bilhoes-em-bonds.htm

  10. Já que escrevi aqui sobre os bilhões de reais que os governos Cabral e Pezão mandaram e vão mandar para credores internacionais, utilizando o fundo de pensão dos aposentados para pagar empréstimos de bancos públicos, no dia exato de hoje tem uma novidade sinistra. O governo Pezão vai novamente utilizar o RioPrevidência para fazer uma operação de crédito para pagar dívidas do governo que não tem nada a ver com os aposentados que estão sem receber o salário de outubro, mesmo o salário sendo muito baixo. Vejam esse link:
    http://anaferj.blogspot.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *