Na retaguarda de Boni

Ricardo Amaral foi o grande articulador de tudo que resultou na apoteose de ontem no Copa, pois foi ele quem convenceu Boni a escrever e não largou de seu pé enquanto o livro não ficou pronto. Durante todo o frisson, Ricardo ficou discretamente na retaguarda, o que não é de seu temperamento. Mas naquela noite ele era tipo um mestre observando o sucesso de seu pupilo. Boni, seu grande amigo, gastava tinta de várias canetas, suava toda a água do seu corpo, sob o holofote dos flashes, vivendo mais um grande momento de superstar, de sua longa carreira pontuada de grandes momentos. E desta vez quem foi o Boni do Boni foi o Amaral

Boni Ze 022 1 Na retaguarda de Boni

Roberto Carlos, Boni e Lou. Atrás, Dody Sirena, Gisella e Ricardo Amaral e Francisco Cuoco

Foto de José Ronaldo Müller

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *