MARCIA ALBUQUERQUE, ESTRELA NOS STATES DE ‘CHORUS LINE’, ORGULHO DO BRASIL, AGORA ENSINA A DANÇAR, QUE SHOW!

No musical A Chorus Line, a bailarina brasileira Marcia Albuquerque fez o papel principal, nas montagens nos Estados Unidos, Brasil e Europa. Produziu e atuou como a personagem Charity, no musical Sweet Charity. Membro da americana Actor’s Equity Association, ela fez também os musicais Splish Splash, The Sound of Music e Radio Stars.

Marcia atuou em vários shows, musicais e videoclipes, aqui e no exterior. Viveu momentos de glória como dançar ao som do piano pelo próprio Tom Jobim, no especial da TV Globo, Antônio Brasileiro. Foi professora do Corpo de Baile da Globo. Com vasta experiência como coreógrafa, em todos os tipos de shows, de grandes cantores inclusive, foi coreógrafa contratada de vários programas e especiais globais, entre eles Fantástico, Os Trapalhões, Chico Anysio Show, Especial da Xuxa.

Recentemente, foi convidada para participar da remontagem de A Chorus Line pela professora, bailarina e coreógrafa Soraya Bastos e seus alunos da CAL.

Marcia deu seus primeiros passos na dança com a grande mestre Enid Sauer e, com todo esse currículo fabuloso, ainda dança como se tivesse 20 anos.

E por quê eu estou falando todas essas coisas sobre a Marcia? Porque Priscilla Teixeira, a filha bailarina da querida Sonia Isnard, convidou a fabulosa Marcia Albuquerque para dar aulas de Jazz Dance na Tex Studio de Dança. Como vemos, a Priscilla puxou a veia empreendedora da Sonia

Marcia não pensou duas vezes, aceitou o desafio e de cara o sucesso foi total. A primeira a se matricular foi a médica Loreta Burlamaqui. Em seguida, a Rosane Castro Neves. A primeira aula foi ontem, com o Tex bombando total. As aulas serão sempre às terças e quintas, com direito a uma aula experimental grátis.

Como vemos, Marcia Albuquerque é, ela sozinha, um espetáculo inteiro. Leiam, abaixo, o depoimento a seu respeito dado pelo também grande bailarino Antonio Negreiros, comentando o currículo acima, aqui publicado.

 

Marcia Albuquerque-tex 001Priscila Teixeira, Marcia Albuquerque e Loreta Burlamaqui

Márcia Albuquerque-tex 012Marcia Albuquerque e seu grupo de alunas

Marcia Albuquerque-tex 007Depoimento do bailarino Antonio Negreiros sobre Marcia Albuquerque:

“Marcia Albuquerque é sinônimo de excelência em jazz dance e musicais. Estrela de Chorus Line e Sweet Charity!… Achei o texto lá em cima muito modesto. Tanta gente se elogia e inventa tanto texto e ela fez tudo isso e tem tantos adjetivos, se apresenta de maneira tão modesta. Ela por ser modesta e elegante se apresenta assim, mas nós, colegas e testemunhas do seu enorme talento, temos a obrigação de divulgar a verdade!!!! Sou fã de carteirinha, porém, antes de qq coisa sou justo e honesto na minha profissão. Viva Marcia Albuquerque, orgulho do Brasil!!!”

13 ideias sobre “MARCIA ALBUQUERQUE, ESTRELA NOS STATES DE ‘CHORUS LINE’, ORGULHO DO BRASIL, AGORA ENSINA A DANÇAR, QUE SHOW!

  1. Fico imensamente feliz por saber da volta à atuação da grande MARCIA ALBUQUERQUE na Dança,eu que a conheço desde a adolescência e sempre acompanhei todo o seu trabalho artístico. Ela que já era um espetáculo nas apresentações do Ballet Enid Sauer no Teatro Municipal,brilhou em concursos de dança e nas peças que protagonizou,com talento inigualável! Quero ver MARCIA ALBUQUERQUE de volta aos palcos num grande musical à altura de seu talento e carisma!

  2. Hilde querida, maravilhoso tudo o que você escreveu sobre a Márcia Albuquerque. Ela é mesmo incrível, cheia de talento e com uma capacidade de estimular e ensinar a dançar que poucas tem. E obrigada por sempre
    me dar o prazer de estar em seu blog.
    Parabéns e beijos!

  3. Que Máximo,Priscila! Parabéns por essa parceria. Com certeza as aulas da Marcia devem ser incríveis,vou me aventurar em uma aula experimental na Tex. Sucesso, beijos mil Bianca.

  4. Querida Hilde, fiquei tão emocionada com tantos elogios, com o seu carinho, a sua generosidade. Não sei como lhe agradecer, as palavras não são o bastante. Você, uma pessoa maravilhosa, que eu tanto admiro, reservar todo este espaço para falar de mim, é uma honra, muito obrigada.
    Agradeço também a Elena Sauer Serrador e a Patrícia Sauer por terem me aberto as portas e me incentivado a voltar a dançar, a Priscila Teixeira por mais esta oportunidade e a Rosane Castro Neves pelo apoio em todo este período.
    Beijo carinhoso.

  5. Olá! Gostaria de saber onde fica o espaço TEX mencionado para que eu possa entrar em contato e voltar às minhas aulas de jazz. Desde já agradeço a atenção.
    Saudações
    Aline

  6. Oi, Aline, será um prazer tê-la na turma. Venha fazer uma aula experimental!
    End: Rua Venâncio Flôres, 305, sl. 303, Leblon.
    Horário: terças e quintas, das 20:30 h às 21:30 h.
    Aguardo você.
    Bjs,
    Márcia.

  7. Um momento especial de renovação para sua alma e seu espírito, porque Deus, na sua infinita sabedoria, deu à natureza, a capacidade de desabrochar a cada nova estação e a nós capacidade de recomeçar a cada ano.
    Desejo a você, muitas felicidades com seu lindo talento que não e só esse
    ajudar, aprender e ensinar novas lições, vivenciar outras dores e suportar velhos problemas.
    Sorrir novos motivos e chorar outros, porque, amar o próximo é dar mais amparo, rezar mais preces e agradecer mais vezes. amadurecer um pouco mais e olhar a vida como uma dádiva de Deus.
    É ser grato, reconhecido, forte, destemido.
    É ser rima, é ser verso, é ver Deus no universo;
    Parabéns a você nesse dia tão grandioso.felicidades amiga lhe sou muito grata bjs !!!

  8. Na dança, Marcia tem o mesmo tamanho de Deborah Colker, só não tem a mesma midia em volta (e Deborah também é fabulosa)
    Em A Chorus Line ela foi “Cassie”, o papel principal na Broadway e na peça, mas que no Brasil chamou-se “Laura”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *