Com vocês, queridos, o mais delicioso escândalo entre os ricos internacionais…

Liliane Bettencourt, a segunda pessoa mais rica da França, fortuna de 20 bilhões de dólares segundo a Forbes, é um poço até aqui de mágoas com a filha, Françoise, que segundo a última Paris Match acaba de abrir o terceiro processo tentando interditá-la, na disputa pela grande fortuna que poderá deixar de herdar se não assumir a tutela da mãe…

Dizendo-se exausta com tanta pressão, Liliane pediu ontem a seus advogados que tomem todas as medidas legais possíveis (inclusive processo) para cessar esse “assédio moral” a que vem sendo submetida pela filha, prejudicando também a imagem da empresa da família, aL’Oréal dos cosméticos…

Este escândalo há um ano enche o boca-a-boca do high society  internacional e as páginas das revistas que os super-ricos leem…

O pivô do affair é o fotógrafo de celebridades François-Marie Banier, que Liliane conheceu quando posou para uma matéria da revista Egoiste. Iniciou-se aí uma grande amizade entre os dois, que logo se tornaram íntimos, e Liliane passou a presenteá-lo com o que há de melhor neste mundo. Coisinhas necessárias como obras de arte de Picasso, Matisse, Mondrian, Léger, e seguros de vida de milhões de euros, tendo ele como beneficiário, em caso de morte dela…

Foi só em dezembro de 2007, um mês após a morte do pai, que a filha do casal Bettencourt, Françoise, iniciou um processo contra François-Marie, suposto amante de Liliane, acusando-o de abusar da fraqueza mental de sua mãe e de exploração física. Foi um frisson nacional, levando a Brigada Financeira, braço da polícia francesa que apura crimes financeiros, a abrir uma investigação sobre o caso e levá-lo a julgamento pelo Tribunal de Nanterre em setembro de 2009…

Mas em dezembro do ano passado o tribunal adiou o julgamento  para abril deste ano e, depois, para julho passado, sempre aguardando o resultado do exame de saúde mental a que Liliane Bettencourt, sistematicamente, se recusou a se submeter…

Em julho, o julgamento foi de novo adiado, para este mês de outubro, porque a coisa ficou ainda mais embrulhada com a apresentação, pelo mordomo da bilionária (sempre ele, o mordomo!), de gravações de conversas dela com François-Marie, que revelam que Liliane fez dele seu herdeiro direto e universal, mas excluindo as ações da L’Oréal, que já pertencem à filha e aos dois netos dela. As gravações também revelaram que Liliane foi mais uma vítima dos fundos de Bernard Madoff, com um prejuízo de 22 milhões de euros…

As fitas gravadas ainda tornaram públicos detalhes da conversa de madame Bettencourt e seu consultor financeiro, Patrick de Maistre, indicando propinas dadas a figurões do governo francês para evitar o pagamentos de impostos, além de contas não declaradas na Suíça…

Outra gravação é a de uma conversa dela com o atual ministro do Orçamento francês, Eric Woerth (que na época caçava os sonegadores de impostos, socorro!), em que ele pedia um emprego para a mulher,Florence, administrar o dinheiro de madame (ela foi contratada na época, mas já deixou o serviço). Por coincidência, depois disso, Liliane recebeu um desconto de 30 milhões de euros nos seus impostos de 2009, ai, ai, ai, ai ai!…

Para piorar a situação, uma antiga contadora da rica senhora revelou que ela entregava envelopes recheados de euros a políticos conservadores franceses, inclusive um envelope com 150 mil euros ao ministro Eric Woerth, quando este era tesoureiro da campanha de Nicolas Sarkozy. E mais: ela disse que o próprio Sarkozy, quando era prefeito de Neuilly-Sur-Seine (de 1983 a 2002), fazia muitas visitas a Liliane e sempre saía com seu envelope polpudo, au sécours!…

Em meio a essas investigações, a contadora denunciou que foi ameaçada pela polícia para retirar as acusações e o Jornal Le Monde declarou sofrer censura do governo para investigar o caso. A editora do jornal, Sylvie Kauffmann, disse que vai processar o governo com base na lei que protege fontes jornalísticas…

Todas essa gravações foram feitas pelo mordomo enxerido na ilha particular de Liliane Bettencourt, nas Ilhas Seychelles…

O incêndio Bettencourt está longe de ser apagado e pega ainda mais fogo agora, com a estreia, no último dia 1º deste mês, da peça de teatro Le Banier de Crabes, uma paródia sobre o affair rumoroso, cujo cartaz traz Liliane, jovem e saltitante, trazendo em sua cestinha o presidente Sarkozy, o ministro Woerth, o namorado Banier e o consultor financeiro De Maistre. Usando o sobrenome de Banier, o título faz um trocadilho com “panier de crabes” (cesta de caranguejos), que em sentido figurado quer dizer ninho de víboras. O cartaz acaba de ser proibido “pelo caráter difamatório, muito além da caricatura”. Mas a peça, queridos, continua sua temporada no Théâtre des 2 Ânes, e se você está indo para Paris não deixe de reservar seu ingresso desde já pela internet, pois você não vai ficar de fora desse babadão franzido, vai?…

Em tempo: conheci Liliane Bettencourt num jantar oferecido a ela em casa de Lily e Roberto Marinho. Uma senhora elegante, educada e agradabilíssima. Ela havia, naquela tarde, feito uma visita a uma instituição de crianças carentes e, quando lhe contei que tinha feito fotos bonitas do encontro, ela me pediu se poderia ter uma. Enviei, é claro, para seu endereço em Paris, recebendo o delicado e cortês cartão de agradecimento pelas fotos…

potin pode ser grande, mas Liliane definitivamente não merecia viver tudo isso por obra e graça da filha. Afinal, a herdeira de fato é Liliane, e não a filha, pois foi seu pai, Eugene Schueller, quem fundou a L’Oréal e fez a fortuna deixada para ela, cuja filha Françoise agora quer abiscoitar todinha…

000T TRPar3514815 Com vocês, queridos, o mais delicioso escândalo entre os ricos internacionais...Uma pessoa observa o cartaz peça que faz paródia do affair Liliane Bettencourt e está em cartaz em Paris nesta alta temporada de primavera –  Crédito: AFP PHOTO/ ETIENNE LAURENT

000T TRPar3520177 Com vocês, queridos, o mais delicioso escândalo entre os ricos internacionais...Liliane Bettencourt e sua filha, Francoise Bettencourt Meyers.  Crédito: AFP PHOTO / MIGUEL MEDINA

 

000T TRPar3512960 Com vocês, queridos, o mais delicioso escândalo entre os ricos internacionais...O fotógrafo francês Francois-Marie Banier, pivô do maior escândalo da década na França, tem uma vida sexual interessante. Já viveu affairs com homens e com outras senhoras ricas e idosas. Créditos: AFP PHOTO / MIGUEL MEDINA

000T TRPar3520171 Com vocês, queridos, o mais delicioso escândalo entre os ricos internacionais...

Crédito: AFP PHOTO

(Eis a carta escrita por Liliane Bettencourt, no último dia 10, em sua suíte do Hotel Pierre, em Nova York, e agora divulgada pela assessoria de imprensa da L’Oréal, em que ela anuncia que pode levar a filha  Francoise Bettencourt-Meyers aos tribunais por assédio moral. Em jogo estão 20 bilhões de dólares , que Françoise disputa com François-Marie Banier, o queridinho da bilionária sua mãe)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *