Casa Zuzu Angel, o lar-doce-lar da moda brasileira, em semana emblemática

Esta foi uma semana emblemática para a Casa Zuzu Angel de Memória da Moda do Brasil. Depois de um ano de palestras mensais, com os Cafés na Zuzu, articulados em parceria com a Abepem, da professora Kathia Castilho, iniciamos nossos cursos, transmitindo conhecimento sobre o objeto principal da nossa atividade: a museologia da moda.
A professora doutora pela USP, Manon Salles, nossa colaboradora, Coordenadora e Organizadora do Acervo Têxtil da Casa Zuzu Angel, ministrou o curso Conservação preventiva em acervos históricos de moda.
Foi uma emoção, no primeiro dia, ver os alunos chegando de todos os cantos do país. Do Piauí, o responsável pela coleção de vestes do primeiro bispo piauiense, verdadeiras preciosidades. De Minas, Juiz de Fora, o professor da UFJF, que desenvolve tese de Doutorado “Construção de um museu de moda para Juiz de Fora”, e ao longo de sua pesquisa constrói também um acervo importante, com peças nacionais e estrangeiras doadas por elegantes mineiras.
A chapeleira brasileira que veio da Itália e se encantou com o acervo de chapéus da casa, peças de Carmen Mayrink Veiga, Evinha Monteiro de Carvalho, Zilda Canavarro – e até a última cartola usada por Chacrinha!
A interessada pesquisadora de Santa Catarina. De São Paulo, a professora da Unicmap, especializada em Conservação de Fotografias, interessada no Acervo Documental de Zuzu Angel e se iniciando também em têxteis. E mais as jovens conservadoras da UFRJ. Uma turma alegre e vibrante, que se emocionava a cada caixa revelada do acervo de Zuzu Angel, e me pedia a história de cada roupa.
Na despedida, ao me verem distribuir os Certificados de Conclusão do Curso, eles aplaudiam e agradeciam, emulados pelo entusiasmo contagiante da professora Manon Salles, o cenário daquela arquitetura especial, os jardins exuberantes no entorno, sons de passarinhos, os intervalos para café com bolo caseiro e sucos de frutas nas varandas com azulejos portugueses, a memória de Zuzu intensamente presente.
Eu só tive a dizer: “Quem agradece sou eu por vocês ajudarem a fazer desse acervo de Zuzu Angel um acervo vivo. Através da sua presença e do conhecimento que vocês adquiriram, este acervo se perpetua”.
E lá estavam os vestidos, deitados comportados nas mesas forradas com tecido TNT branco, e manuseados por curiosas luvinhas brancas, no avesso e no direito, investigados com delicadeza pelos novos – e agora certificados – peritos legistas da nossa moda.
Até a próxima, amigos, foi um prazer recebê-los em nossa Casa Zuzu Angel, o lar-doce-lar da moda brasileira!
Hildegard Angel

Que orgulho o nosso! Os novos peritos legistas da moda brasileira, saídos dos bancos de estudo da Casa Zuzu Angel de Memória da Moda, vistos aqui no curso Conservação Preventiva em Acervos Históricos de Moda, que eles concluíram com louvor e certificado.
Ministrado por nossa Conservadora, a professora doutora da USP Manon Salles, o curso lhes deu o instrumental básico para começarem a trilhar seu sonho de conservar as coleções que guardam, ou pretendem formar, é a nova mentalidade da importância da moda como registro da memória cultural e de costumes do Brasil, que começa a se formar e se expandir pelo país. Uma bandeira antiga empunhada com obstinação por nosso Instituto Zuzu Angel.

O curso da Casa Zuzu Angel promoveu o encontro mágico da colecionadora Marília Rezende Martins, que foi adquirir noções de como preservar o acervo de seu trisavô, o Barão Geraldo de Rezende, descendente do Marquês de Valença, com a a moradora da cidade de Barão Geraldo, distrito de Campinas, a pesquisadora da Unicamp Marli Marcondes, encarregada do acervo documental do… Barão Geraldo! Não é incrível, fantástico, extraordinário?!

Marilia, a colecionadora do acervo do Barão Geraldo de Rezende, e Marli, a pesquisadora da Unicamp, nos jardins da casa da Usina da Tijuca.

6 ideias sobre “Casa Zuzu Angel, o lar-doce-lar da moda brasileira, em semana emblemática

  1. Que espetáculo ! O Rio de Janeiro te agradece por este musseu espetacular, que é a Casa Zuzu Angel, com seu acervo de altíssimo nível ! Sem falar na beleza da casa na Usina !
    Parabens, Hilde ! Sei o trabalhão que tve, que está tendo, mas valeu a pena !! Zuzu está felicíssima la de cima, olhando a filhota perpetuando sua obra !!
    Um beijo carinhoso da Kiki Garavaglia

  2. Daqui dá para sentir a emoção,poder tocar o acervo de ZUZU Angel é uma benção! Espero poder um dia visitar e saborear deste mesmo encantamento.
    Gratidão a todos!

  3. Queridas Ruth e Celina! Que orgulho em ver que a casa já está produzindo seus frutos! Quero muito visitar e poder fazer novas fotos! Obrigada Hildegard por proporcionar a Moda tanto orgulho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *