Boox continua, sob nova direção de Rick Amaral!

Não, a Boox não cerrou suas portas no último fim de semana, deixando legião de órfãos, como já foi dito aqui. Este blog baseou-se em informações precipitadas, possivelmente veiculadas por interessados no esvaziamento da casa…

A Boox continua, sim, e com as portas bem abertas sobre a Praça Nossa Senhora da Paz, aliás, bem escancaradas, mas sob nova direção. Sai o Waltinho e, em seu lugar, entra o Rick Amaral. Filho do Ricardo Amaral, que se associou ao grupo dono da Boox visando a reabertura, no ano que vem, do Hippopotamus, que não será no lugar da Boox. Será exatamente no mesmo lugar do antigo Hippo, que depois virou Baronneti. Trata-se de uma operação ressuscitação. A ideia é trazer de volta à vida, no mesmo local, a mesma casa, o mesmo glamour, o mesmo público luxuoso. Pois, como semrpe digo, o mundo é redondo, o que vai volta. E nas voltas que o planeta dá, chegou a vez de o Hippo voltar a ser moda, a ser majestade, a fazer a noite do Rio trepidar…

A ida de Rick Amaral, ex-sócio da Baronneti, para a direção da Boox e a reabertura do Hippo, em sociedade com seu ex-dono Ricardo Amaral, que voltará a funcionar no local da Baronneti, são dois itens de um mesmo pacote de entendimentos feito por Ricardo com os sócios Rafael Vargas e José Ricardo Tostes, donos da Boox e do Porcão

Trata-se praticamente de uma dança das cadeiras. A dança dos Amaral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *