Betty Lagardère, o leitão e a empadinha

Betty Lagardère experimentou o leitão à bairrada, tradicional prato do Málaga, no Centro, e simplesmente adorou. Tanto que fez reserva e voltou no dia seguinte para nova rodada do leitão, só que com acompanhamentos mineiros. Pediu feijão tropeiro e couve, prontamente atendida pelo maître Augusto Vieira…

O restaurante, um dos points preferidos de outros de bom paladar como Vanda Klabin e Moacyr Luz, também é conhecido por sua empadinha deliciosa. Que o diga Betty, que não resistiu e levou algumas para casa na quentinha…

A mesma sorte de Betty não tiveram os metaleiros da Cidade do Rock que, antes mesmo de terminado o show do Metálica, no domingo, fizeram um protesto bem humorado em frente à Casa da Empada. As empadas já haviam acabado! Pudera, nos três primeiros dias de festival, a loja vendeu suas 18 mil empadas num piscar de olhos. Torcemos para que eles aumentem o número de empadas amanhã. Caso não o façam, ainda resta o recurso de levar a empada de casa, já que agora está autorizado levar comida. Mas, empada no bolso, já viu, né?…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *