A ‘vaquinha-parade’

Dada a grande moda das vaquinhas de aniversário, que impera na alta sociedade carioca, meu copeiro Anselmo me perguntou: “Por que não fazem com os aniversariantes como fazem nos casamento de pobre, em que saem pela festa puxando o noivo pela gravata, como se fosse uma coleira, e vão com uma cestinha, parando de convidado em convidado, que deposita na cesta sua doação em dinheiro e ganha em troca um pedaço da gravata do noivo, que é cortado na hora?”. Respondi ao doce Anselmo: “Porque, querido, é bem capaz de o fruto da coleta sair menor do que o preço da gravata do rico, que costuma ser Hermès, Gucci, Prada, Ferragamo“. Pano rápido…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *