A natureza como inspiração de Mitzi Bergallo

Artista plástica, Mitzi Bergallo começou a pintar há 10 anos, aos 49, depois de mais de 20 anos como empresária. Ela acaba de expor trabalhos inéditos inspirados no universo de Alhambra, cidade de Granada…

Já voltada para as artes, Mitzi fez cursos com Katie Scherpenberg, NiuraBellavinhaClaudio Kuperman, aperfeiçoando e aprendendo técnicas de pintura em tela, tecidos e outros materiais. Os primeiros anos de carreira como artista plástica, dedicou ao exercício da experimentação, até desenvolver sua própria técnica. Há três anos, foi estagiar no estúdio de arquitetura “Colore é”, em Roma, e fez o curso “Teoria da Cor”, no Politécnico e na NCS, em Milão…

Seus quadros, grandes e com delicadas pinturas aplicadas sobre canvas, cânhamo, brim envelhecido, linho e juta, chamaram a atenção de arquitetos cariocas que se tornaram clientes. Cynthia Pedrosa, Lila May Bueno, Patrícia Marinho, Stella de Orléans e Bragança, Paulo Jacobsen, Fernanda Pessoa de Queiroz e Daniela de Biase (com escritório em Roma) são alguns…

Mitzi não parou mais e, hoje, vários profissionais frequentam o seu ateliê aconchegante no Joá, com um belíssimo teto de vidro instalado à entrada da casa, construção de estilo mediterrâneo, quatro andares, aem terreno íngreme, debruçada sobre o mar. A vista é realmente inspiradora!…

“Das visitas ao ateliê surgiram as primeiras encomendas de arquitetos para projetos especiais. Ou seja: passei a pintar não só quadros em tamanhos e cores especialmente para cada projeto, como também tecidos decorativos, principalmente sedas e algodão puro, para almofadas, cortinas, mantas, forrações. Não vejo o menor problema em produzir arte sob encomenda”, diz Mitzi

Seu maior desafio foi uma encomenda de Cynthia Pedrosa para uma casa em Angra: um cortinado para uma cama grande de um quarto de homem, em tule de algodão, evocando o movimento da água do mar, em tons de azul cobalto, verde cítrico e cáqui. Foram 15 dias de muito trabalho com Mitzi, literalmente, debruçada sobre oito panos com três metros de largura, sendo pintados um a um no ateliê…

“Quase pirei! Estendi tudo no chão da garagem e pintei de joelhos, engatinhando sobre o tecido. Felizmente, deu tudo certo e a Cynthia adorou. Gosto de viajar na viagem do arquiteto, de criar coisas que ele idealiza, mas não encontra pronto”, explica…

Formada em design de moda, ela agora se arrisca em mais uma frente: pintar e beneficiar tecidos exclusivos para a moda e criar estamparias exclusivas para roupas. Em junho, ela apresentou, no Empório Maria Maria, em Itaipava, a exposição “Al andaluz – Cores Mouras de Granada”, reunindo 12 telas inéditas, pintadas com tinta acrílica sobre cânhamo em tons quentes, principalmente os vermelhos, evocando as tapeçarias, os motivos decorativos e o esplendor da cultura islâmica, entre outras…

Vale dar uma conferida neste trabalho exclusivo, da multi artista Mitzi

Mitzi Bergallo e a sua casa/ateliê no Joá

Fotos de Ane Hinds

Uma ideia sobre “A natureza como inspiração de Mitzi Bergallo

  1. Adorei as obras da Mitzi, cores impressionantes, movimentos e sensibilidade. Tudo criado neste cenário encantador. Parabéns. Marta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *